19 de ago de 2010

Be quick or be Dead #03

Rapidinho, rapidinho mais filmes em análise no Tablóide do Inferno


Ano Um (Year One, 2009) - Cotação: **1/2
Link: IMDb

No cinema existem dois tipos de humor básicos, o escatológico, gráfico e em extremos, constrangedor para quem assiste; e o inteligente, com boas sacadas, de situações absurdas em extremos de que você não pega a piada se não tiver uma bagagem prévia.
"Ano Um" não sabe de que lado fica, basicamente é a história de Zed (Jack Black) que questionando seu papel na sociedade "das cavernas" (entre aspas pois sua tribo mora na floresta) come do fruto proibido, o que provoca a ira dos demais integrantes da tribo e parte com seu melhor amigo, o nerd da época Oh (Michael Cera).
Na jornada, a dupla passa por situações narradas no velho testamento da Bíblia, do assassinato de Abel por seu irmão Caim, ao sacrifício de Isaac por Abraão e a destruição de Sodoma e Gomorra.
O problema é que a Bíblia não é a melhor fonte de se fazer comédia e é preciso muito talento para se fazer outro "A Vida de Brian". As piadas são em sua maioria envolvendo fezes, homosexualidade, prostituição, virgindade, mas todas, quase sem exceção, não tem a menor graça. O que salva é a interpretação de Black e uma ou outra sacada mais esperta. Esperava mais.

Trailer:



Esquadrão Classe A (The A Team, 2010) - Cotação: ****1/2
Link: IMDb

Na review em vídeo de Os Mercenários, uma das minhas reclamações é que o filme não tinha uma pegada "Cannon" como parecia que ia ter. Dar uma de "Rambo 4" nos personagens interpretados por Stallone, Stathan, Li e companhia não foi uma boa ideia na minha visão.
Está aí um filme que é o total oposto, Esquadrão Classe A é um dos filmes de ação mais insanos e divertidos da safra atual, e olha que eu estou comparando também com Adrenalina 2 que é um grande filme.
A história é o de menos, o importante são as situações que os personagens de Liam Neeson (O esperto), Bradley Cooper (O audacioso), Quinton Jackson (O brigão) e Sharlto Copley (O maluco de pedra) passam na tela. Especialmente uma cena envolvendo um Tanque de guerra em queda livre (praticamente) vai ficar gravado na minha memória por um bom tempo. É um filme para ver, se divertir e ver novamente. Humor e ação na medida certa, recomendadíssimo.

Trailer:



Fatal Deviation (idem, 1998): ****
Link: IMDb

Conheci este filme através de um artigo no site Cracked.com, proclamando que era um dos piores filmes de ação de todos os tempos. Eu, como grande fã admirador de Godfrey Ho, fui conferir se isso era verdade.
Embora tenha de admitir que Ho tem filmes muito piores (e engraçados, portanto) Fatal Deviation, auto-proclamado o primeiro (e talvez único) filme de ação da Irlanda, se esforça bastante e consegue entregar uma produção repleta de falhas e grandes momentos.
A história: Um Van-Damme de Inhauma sai de casa para descobrir mais sobre a morte do pai, mestre e tutor de artes marciais do rapaz, mas não sabe que foi "soberano das drogas" da cidade que o matou.
O vilão, portanto, emprega o "van damme" para mantê-lo perto e assim poder controlar seus passos, acontece que nosso herói se envolve emocionalmente com uma garota da cidade que "por acaso" é ex-namorada do filho do vilão.
Sabendo da natureza "vilanesca" de seus empregadores, "van damme" tem uma oportunidade de mostrar seu valor se inscrevendo em um torneio de artes marciais em que os vilões estão interessados em participar e vencer, pois por algum motivo (poderes ocultos?) o campeão controlará a vila. Para ajudá-lo, um velho monge treina o rapaz.
Gente, não há como apontar uma só qualidade técnica nesse filme: O herói é marrento e sem o menor senso de interpretação, a história é tosca, as cenas de troca de tiros são impensáveis, algumas lutas não tem o menor sentido de existir, e tem uma cena em que um cowboy toma banho (nú, obviamente) numa banheira em uma fogueira fora de casa sem motivo aparente, o tiozinho que treina o mocinho parece permanentemente bêbado, enfim, é ver para crer. Se você gosta de bagaceiras, este filme é ÉPICO!
Aos interessados, o filme pode ser conferido na íntegra no Youtube, a primeira parte de um total de oito você encontra neste link.


Trailer (feito por fãs):