Resposta: É ouvir Zé do Caixão CANTANDO Agnaldo Timóteo Sexta-feira 13 numa boate!
Confira abaixo um trecho da matéria escrita por Felipe Branco Cruz para o Jornal da Tarde de hoje:

Os mistérios do além entraram para o calendário da sexta-feira 13 da cidade com uma programação rica em sangue, sustos e bizarrices. De boates a visitas guiadas em cemitérios, sair de casa hoje requer coragem. E José Mojica Marins, o Zé do Caixão, que faz hoje 73 anos, é um dos destaques a dar o ar das trevas. Zé irá comandar as picapes do Boca Clube, na Rua Augusta, com um repertório de arrepiar. “O que eu vou tocar vai mexer com muita gente”, garante. Zé não está brincando. Sua lista de hits ‘assustadores’ inclui Eu Não Sou Cachorro Não, de Waldick Soriano; Oferenda, de Altemar Dutra; A Noiva, de Agnaldo Timóteo; e Valsa da Despedida, de João de Barro. “Fecharei com a antológica Carruagens de Fogo. Realmente, apoteótico”, diz.
O próprio DJ justifica suas escolhas. “Perguntaram as músicas de que gosto. São essas. Do rock, eu prefiro os gritos do terror. Tenho certeza de que as pessoas ficam surdas quando escutam aquilo muito alto.” O público que for à festa pode ficar tranquilo. Depois da sessão ‘tortura’ de Zé do Caixão, a noite será embalada por pop e house. “Não vou ficar até muito tarde. Por volta das duas da manhã, já terei ido embora para assistir a um filminho de terror no sofá de casa.”


Veja a matéria completa com outras bizarrices pra fazer em São Paulo na Sexta-Feira 13 na página do JT.

Feliz Aniversário Mojica! E Feliz Sexta-Feira 13 (de novo) pra Todo Mundo!

1 gritos:

gustavo disse...

com certeza assitir, crepusculo, moolight e true blood ao vivo